Prisões e deportações de imigrantes aumentaram no ano fiscal de 2022

  • 03/01/2023
  • 0 Comentário(s)

Prisões e deportações de imigrantes aumentaram no ano fiscal de 2022

As prisões e deportações fetas pelo Departamento de Imigração e Alfândega dos Estados Unidos (ICE, sigla em inglês) aumentaram no ano fiscal de 2022, depois de cair para níveis recordes em 2021, de acordo com um relatório do governo divulgado na sexta-feira, dia 30.

Durante o ano fiscal de 2022, um período de 12 meses entre outubro de 2021 e 30 de setembro de 2022, os agentes realizaram 142.750 prisões de imigrantes e 72.177 deportações, aumentos de 93% e 22%, respectivamente, em comparação com o ano fiscal anterior.

Embora o número de deportações no ano fiscal de 2022 seja o segundo menor registrado pelo ICE, ele representa um aumento notável em relação a 2021, quando as prisões e deportações pela agência despencaram devido ao impacto da pandemia do novo coronavírus nas operações e às novas políticas do governo Biden que priorizavam a prisão de imigrantes condenados por crimes graves, considerados uma ameaça à segurança nacional e imigrantes que recentemente entraram ilegalmente nos EUA.

Elas foram derrubadas em um tribunal federal em junho devido a uma ação de estados liderados pelos republicanos.

A Suprema Corte deve decidir em 2023 se o governo Biden pode restabelecer as políticas.

Fundada em 2003, a divisão de fiscalização da imigração do ICE é encarregada de monitorar, prender, deter e deportar imigrantes de acordo com a lei dos EUA, incluindo aqueles condenados por certos crimes e imigrantes transferidos por funcionários da Patrulha de Proteção de Fronteiras (CBP).

O aumento nas prisões e deportações em 2022 foi principalmente resultado dos níveis sem precedentes de travessias ilegais registradas ao longo da fronteira dos EUA com o México no ano passado, mostram as estatísticas publicadas na sexta-feira.

No ano fiscal de 2022, as autoridades dos EUA ao longo da fronteira sul relataram um recorde de 2,3 milhões de interceptações de imigrantes. Mais de 1 milhão dessas detenções levaram à expulsão para o México ou seu país de origem sob uma medida relacionada à pandemia conhecida como Título 42. Mais de 96.000, ou 67%, das prisões realizadas pelo ICE no ano fiscal de 2022 envolveram imigrantes sem condenações ou acusações criminais, em comparação com 39% em 2021, uma mudança que a agência atribuiu ao grande número de imigrantes e requerentes de asilo.

Durante uma ligação com repórteres na sexta-feira, um alto funcionário do ICE, que apenas concordou em responder perguntas anonimamente, disse que a agência continuaria a ajudar o Departamento de Segurança Interna (DHS) a responder à "imigração em massa irregular que está ocorrendo na fronteira sudoeste" no próximo ano.


#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 10

top1
1. Deus Proverá

Gabriela Gomes

top2
2. Algo Novo

Kemuel, Lukas Agustinho

top3
3. Aquieta Minh'alma

Ministério Zoe

top4
4. A Casa É Sua

Casa Worship

top5
5. Ninguém explica Deus

Preto No Branco

top6
6. Deus de Promessas

Davi Sacer

top7
7. Caminho no Deserto

Soraya Moraes

top8
8.

Midian Lima

top9
9. Lugar Secreto

Gabriela Rocha

top10
10. A Vitória Chegou

Aurelina Dourado


Anunciantes